Registro do processo de trabalho de docentes da rede pública, estudantes e pesquisadores de artes visuais: - Investigação de procedimentos fotográficos históricos e artesanais em relação com o ensino da arte; / - Reflexão sobre a relação entre processo educativo, fotografia, arte, tecnologia e produção e circulação da imagem fotográfica na contemporaneidade; / - Expressão artística do grupo.

Percurso de trabalho relatado pelos bolsistas: 2018 - Fernando de Sousa Rodrigues (EBA/PIBIC/Coordenação), Daniela Schmidt Castro (EBA/Profaex), Gabriel Amorim Ribeiro (Letras/Profaex), Rafael (EBA/PIBIAC), Isabel (Letras/PIBIAC), Alice Branquinho (CAp/PIBIC-EM), Isabela Magalhães (CAp/PIBIC-EM) / 2017 - Fernando de Sousa Rodrigues (PIBIC), Romulo Andrade de Oliveira (PIBIAC), Luiz Henrique Duarte (PIBIAC), Myllena Araujo (PIBEX), Ramon de Oliveira Fonseca Filho (PIBIC-EM). / 2016 - Alineleni Yuma, Fernanda Almeida (PIBIC-EM), Fernando de Sousa Rodrigues (PIBIAC), Luiz Henrique Duarte (PIBIAC), Myllena Araújo (PIBEX Especial), Ramon de Oliveira Fonseca Filho (PIBIC-EM), Ricardo Kranen (FAU/PIBIC), Thiago Ortiz / 2015 - Alineleni Yuma (PIBIC), Barbara Borges (DireçãoTeatral/PIBIAC), Fernanda Almeida (PIBIC-EM), Fernando de Souza Rodrigues (PIBIAC), Luiz Henrique Duarte (PIBIAC), Myllena Araújo (PIBIAC), Ricardo Kranen (FAU/PIBIAC), Thiago Ortiz (PIBIAC) / 2014 - Alineleni Yuma (PIBIC), Maytê Lyrio, Quesia Alves, Rafael Ribeiro (PIBIAC) / 2013 - Fabricio Delesderrier (PIBEX), Ester de Barros, Leandro Farias, Maytê Lyrio e Thayssa Conti (PIBIAC).

terça-feira, 27 de agosto de 2013

PINHOLE Manual Pratico de Fotografia ESTENOPEICA


Apresentação do PINHOLE - MANUAL PRÁTICO DE FOTOGRAFIA - ESTENOPEICA.

O "Manual" está  sediado no site da EBA-UFMG e fala sobre tudo de fotografia, desde câmara escura até os processos de revelação e ampliação das fotos.


No encontro do dia 27 de Agosto foi divulgado o VII Encontro Internacional de Cinema e Educação da UFRJ, o II Festival de Cinema de Escolas e a VI Mostra Mirim de Minutos Lumière na Cinemateca do MAM nos dias 27, 28 e 29/08/2013. Todos uma realização do CINEAD - Cinema para aprender e desaprender, coordenado pela Profa. Adriana Fresquet (FE/UFRJ).



Semana que vem, dia 3/09, teremos a palestra da Tatiana Altberg que falará sobre o projeto Mão na Lata.

No dia 10 de Setembro vocês deverão trazer uma lata já pintada de preto por dentro e, se puder, já com um furinho de prego para fazermos uma pinhole. E também no dia 10 vocês deverão trazer uma fotografia pinhole impressa com uma intervenção artística, seja com colagem, pintura, recortes, etc.

terça-feira, 13 de agosto de 2013

Digitalização dos negativos pinholes



Para relembrar o processo de revelação e digitalização das fotos:

Passo 1: 
retirar o filme com cuidado.

Passo 2: 
revelar o filme em uma das lojas indicadas no post anterior e não esquecer de pedir para NÃO cortar o negativo. 

Passo 3: 
para digitalizar é necessário manter o filme dentro do saco plástico fosco em que ele vem, assim evitamos reflexos na hora de fotografar o filme.

Passo 4: 
abrir um programa de edição (paint, photoshop, corel, etc) e em seguida preencher a tela de preto e  criar um frame em branco, do  tamanho de um dos frames do negativo.

Passo 5:
em seguida prenda o negativo na tela em frente ao frame branco, apague as luzes do ambiente e fotografe o negativo com um câmera digital.

Passo 6: 
com as fotos já transferidas para o computador, abrir o photoshop.

No photoshop:
- na barra superior clicar em File> Open e escolher a foto que deseja trabalhar.
- caso seja necessário cortar a foto utilize a ferramente Crop Tool (C).
- para transformar o negativo em positivo, na barra superior clicar em image > adjustments > invert
- para editar os níveis de cor, na barra superior clique em Image> auto tone, ou auto contrast ou auto color;
-se desejar mexer mais livremente nas cores clique em Adjustments> Color Balance ou levels.

AINDA, NESTE ENCONTRO:

- Comentários a respeito do livro "Histórias do não ver", de Cao Guimarães, que traz questões a respeito do 'não ver' no ato de fotografar e, desta forma, fizemos a ponte com a pinhole, no sentido da  desconstrução do olhar e da falta de controle sobre a fotografia.

- Assistimos e discutimos o início do documentário "Janela da alma", dos diretores brasileiros João Jardim e Walter Carvalho, que apresenta uma reflexão sobre o processo de produção da imagem. 

- O livro "Memórias do Brasil", de Evgen Bavcar, fotógrafo esloveno cego, também mostrado no documentário Janela da Alma, fechou nosso encontro de terça-feira. 
Aqui, um texto bacana sobre a obra de Evgen Bavcar

Portrait with hands. Evgen Bavcar.


- Na próxima segunda-feira, dia 19 de agosto, será o dia internacional da fotografia. Indicamos a participação no projeto "Mosaico Minuto", realizado por Marco Sena, que constitui em uma página virtual onde após o cadastramento estará livre para postagem de fotografias tomadas no mesmo minuto em todo o mundo, um verdadeiro coletivo virtual gratuito.

-Na segunda, quarta e sexta (19, 21 e 23 de agosto) indicamos as conferencias de Michel Poivert, sobre fotografia contemporânea, sempre de 10h às 13h, na UFRJ, Campus Praia Vermelha, auditório do CFCH. Não perca!


terça-feira, 6 de agosto de 2013

Revista Foto Inversa

Revista Foto Inversa por Marcos Campos


Apresentamos a revista "Foto Inversa", totalmente idealizada e produzida pelo fotógrafo catarinense  Marcos Campos.
A revista é disponibilizada online, para visualização ou download, pelo próprio fotógrafo. Cada edição traz uma entrevista com um artista "pinholista", além de seções como galeria do editor, ensaios, curiosidades, dicas de pinhole, etc.

As revistas

Foram apresentadas ao grupo três revistas neste encontro, a primeira edição que traz o artista multimidiático Dirceu Maués que trabalha com pinhole a mais de 20 anos.
http://www.flickr.com/dirceumaues
http://www.youtube.com/dmaues

Na edição número 2 a entrevista é com o artista Alex Rubio
http://www.flickr.com/sebarubio

E na edição de número 4 o artista da vez é Luciano Montanha
http://www.flickr.com/lucianomontanha

Todas as revistas podem ser lidas e/ou baixadas pelos sites:
http://www.marcoscampos.com.br/
http://issuu.com/fotoinversa


sábado, 3 de agosto de 2013

Pinhole

Pinhole foi o tema do nosso último encontro. Foi um pouco mais curto que o habitual porque ninguém ainda revelou o filme, então foram dadas algumas dicas de lugares pra revelar, de como digitalizar e de como editar no photoshop.

Primeiramente, quando forem revelar é muito importante pedirem para não cortar o filme, para que não haja a possibilidade de alguma foto ser cortada no meio, já que são fotos experimentais.
Pedir para revelar apenas o filme, no caso você receberá apenas o negativo. Esse negativo será editado por vocês no photoshop.

Lugares para fazer revelação:

- kronokroma   
tel: 2558-2583
Rua do Russel n°450 Loja A

- Speed lab  
tel: 2242-5154
Rua da Lapa n°200 cob 1

tel: 2256-8482
Rua Tonelero n°153 Loja L


Dicas de como digitalizar os negativos:

Utilizando o programa paint, faça uma tela preta com um retângulo branco no meio um pouco maior que o seu negativo. Dentro do próprio plástico que vem o negativo, você cola com o durex o negativo na tela do computador e apaga todas as luzes do ambiente. Aí você tira a foto do negativo e passa para o computador.

Exemplo:






Como editar as fotos no photoshop:

Abra o photoshop, abra o arquivo (crtl + O). A foto irá aparecer.
Para inverter o negativo, selecione a foto, vá em selecionar > inverter (crtl + i).
Para ajustar as cores, vá em imagem > ajustes > níveis (crtl + L).


No próximo encontro será apresentada a Revista foto inversa, que traz entrevistas, ensaios, relatos sobre a Pinhole.